Quase kafkiana

Primeiro de abril, testemunhas de jeová na porta.
Um casal.
Disse não, obrigado. Foram embora.

E se, pelo fato de hoje ser primeiro de abril, eles na verdade são de uma instituição bancária fuderosa e queriam me doar 1 milhão de euros após 3 horas de blablablá georgebushiano?

Bueno, não vi câmeras de tv.

Nunca saberei.

Um comentário:

Dani (ela) disse...

na boUa, não maltrato, mas nunca ia saber de dindim nenhum também.