O Caminho da Próstata - Ato 3

Fui lá deixar o sangue para o PSA. Fiz uma ultrasondagem feito moça grávida e apareceram meu intestino, bexiga e próstata na fotinha em forma de leque. O médico falou que o design tá legal, pós-moderno, despojado e saudável. Para mim tinha a mesma cara de um útero - de fato não tenho sensibilidade nem tato com obstetricias e filmes sanguinolentos e mthr fckr violentos.

Daqui a algumas semanas vou para a reta final. Ou ao reto final. Não posso negar que é constrangedor falar disso com a simpatia de quem pede um sorvete de manga na casquinha.

Mas ei, você do preconceito, há ginecologistas homens e mulheres e a vida continua feminina para as mulheres, vê?

Talvez, creio, se o urologista fosse uma mulher eu me sentiria desconfortável como se um peixeiro também atendesse num consultório dentário no mesmo local. Sardinhas, merluzas e motorzinho.

Ainda que a vida - no duro do hipotálamo mais primitivo - seja comer, transformar, largar a bosta e ir fazendo filhos, é tudo um corpo só.

(E só uma ressalva sobre o amor: O coração, órgão favorito dos românticos, está entre duas axilas/sovacos).

O que doeu mesmo foi tirar umas verruguinhas aqui do pescoço, meu chapa.

2 comentários:

LuMa disse...

Pois o maridão aquí vai numa urologista linda. A primeira vez ficou contrangidão, mas a doutora gostosona, no final, o tateou como faz um mecânico numa revisão de carro. "Pá, plum,nheeec, plaft", e pronto. Me conta que a sala de espera do consultório tem fila de encabulados(rs). Bons resultados pra vc.

TARCIO VIU ASSIM disse...

Tem que ter dedada! :(