BLOGS - O teu, o meu, os deles

Quando li um blog pela primeira vez - foi da minha prima Maíra - e ela me explicou como aquilo funcionava, logo criei um. O primeiro durou pouco tempo, tinha um nome imenso, deletei e criei o Arte Mútua que é anterior a esse e com uma única diferença, nesse aqui eu raramente publico poesias porque tenho não escrito nada de uns tempos pra cá.
O Arte Mútua durou uns 5 anos.
Me googlaram e reencontrei vários amigos.
Um deles me disse: Cara, imagina isso quando a gente tinha uns 17 anos! Pensando, obviamente, em toda capacidade midiática que um blog possui (quase nada, se for igual a um corsário efêmero) e nos vôos criativos que tínhamos no começo da blogosfera. Hoje banalizei, banalizamos, a gente bloga por hábito.
Não é nossa culpa, o mundo anda assim. Mas é legal porque é assim.
Ele disse isso já faz alguns anos e pensei nisso hoje, lavando a louça - eu sempre penso muito lavando a louça (?).
Se eu tivesse 17 anos e com essas ferramentas na mão, faria um blog rock-pornô-comunista-corinthiano.
Com 17 anos eu só pensava em rock, sexo, Trotsky e futebol, especificamente, no Timão.
Na manhã que completei 18 anos, me recordo, só pensei numa coisa: Se eu fizer merda, não vou mais pra Febem, vou pra cadeia.
Passei incólume pelas duas. Mas to aqui no Japão, na ilha grande.
E isso deu em blog e continuo pensando em rock, sexo, Trotsky e futebol, mas ao invés de fazer um blog inteiro com todas essas maravilhas, só escrevo e tento passar o recado.
Que é nenhum.

4 comentários:

TARCIO VIU ASSIM disse...

Mei conformista e acomodadinho...
... quase doce.
-
Crise dos 40?
-
Saudações sertanejas

Guilherme Busch disse...

Oi, Nei
Tudo bem?
Também adicionei seu blog nos favoritos da Confraria e do meu particular.
Seria muito bacana a gente trocar informações sobre os refrigerantes japoneses, vc sendo uma espécie de embaixador!!!
Mande notícias.
Abraço.
Guilherme Busch

Dani (ela) disse...

quem explica isso?

e a gente vai... blogando...

Kenia Mello disse...

Quem passa recado é celular, MSN e fax (ainda)? :)
Beijos.