Piano

Richard Clayderman em estado de graça.

27 Pianos usados da Yamaha comprados em Hong Kong trazidos para o Japão recebendo uma garibada federal de um brasileiro que gosta de jazz dos anos 50, um japonês que toca guitarra base numa banda de musica havaiana e outro japonês que morou 17 anos em Londres. Tem os vietnamitas que estão noutra.
27 pianos usados da Yamaha que vão para uma loja em Toronto cujo dono é sino-americano e fala inglês fazendo biquinho como se falasse francês.

Um piano branco novo da Apollo Piano que vai para algum lugar em Beijing.
Eu detesto piano branco, me dá a sensação de papel em branco, vazio, nada, cérebro em branco, oco, vácuo. 
O som não se propaga no vácuo.
Fica no ar uma sensação meio Richard Clayderman com show sertanejo chique.

Muito pior foi ontem que tive uma overdose rúbia com um piano vermelhaço da Kawai.

E então pensei:
- Mas quem vai para um motel tocar piano?
- Richard & Clayderman, os sertanejos chiques, pedrobó. 

2 comentários:

SÃO PAULO URGENTE disse...

Ah...Mas tem aquele famoso clip do John Winston Ono Lennon,"Imagine", que tem um piano Branco...Eh...EH...Vai ver a Yoko passou na Apolo

LuMa disse...

Nei, é pura curiosidade minha, já que achei muito interessante esse giro que os usados fazem. Quanto custa um piano usado, mais ou menos? Fiquei aquí pensando como é feito o transporte - marítimo, suponho - de um piano, que deve ser pra lá de delicado, não?