Boas perspectivas



Uma coisa que aprendi nesses anos todos no exterior longe de familiares e amigos é que todos nós nos adaptamos facilmente às situações inusitadas.

Por isso, apesar de saber que Fukushima e Chernobil são farinha do mesmo saco de plutônio ou que os Tokyo no hito (Toquianos) estão saindo de suas casas para bem longe do Imperador, parece que a vida está voltando ao normal.

Me preocupo mesmo quando acordo de manhã e não tem barulho. Dá vontade de ir na janela e gritar com a natureza:

- É primavera, porra!

Hoje os corvos estão no volume máximo e o sol, bem, o sol é um bem de todos e ele tá lindão.

3 comentários:

Rita disse...

Que este Sol traga boas energias pra todos aí, especialmente pra vc e pra Nanci, querido amigo
Bjs

Miss Yang disse...

nei, há meses que te acompanho também. Em meio a essa turbulência que temos vivido, foi um bálsamo teu comentário. Já estás linkado! apareça sempre que quiser.

Erika disse...

Oi, Nei. Fico muito feliz que você e os seus estejam bem aí, na medida do possível.
Estamos todos muito impressionados por aqui. E torcendo para que as coisas se arranjem da melhor maneira. Abraço!!