Japão 2011

Não sei quantos brasileiros foram embora,
não sei quantos ficaram.
Não sei se é possível sonhar.
Não sei física nuclear.


(trecho do texto abaixo)

Um comentário:

Camilo disse...

Não sei se se aplica, mas, em certos casos, a ignorância é uma bênção.

Força aí, Nei!