Pé na estrada

Uma roda na mão e quatro no chão.
Óleo, pneus calibrados, tanque cheio, reserva confirmada.
Óculos escuros, céu claro.
Ao norte, ursos polares. Ao sul, a linha do Equador.
A leste e oeste, o caminho do sol e dos ventos bossa nova.
Trilha sonora diluída bebop Lenine Zeppelin e os olhos tristes de Chet Baker.
Fotos fotos fotos.
Navegar é impreciso.
Já volto.

2 comentários:

Rita disse...

pra onde vais?

Palavras Vagabundas disse...

Boa viagem!
abs
Jussara