Imortais aos 27










































































Todo mundo fode publicando fotos deles desdentados, mortos, chapados.
O momento mais importante de um artista é o momento da criação.
A oficina desse povo aí era o palco.
Nada mais justo do que lembrar de todos eles assim, em ação.
Então bota o disco pra correr na vitrolinha e só vale se for no talo.

3 comentários:

Kenia Mello disse...

Não é assim mesmo? Por que o povo se amarra tanto no mórbido, na condenação, nos falsos moralismos?
Beijos.

Nei kS disse...

Porque somos mórbidos, condenados e condenadores e falsos moralistas, ou, no meu caso, uma farsa libertária.

Walkyria Rennó Suleiman disse...

Lindo!
eu melembrarei deles eternamente jovens, bonitos, criativos e solitários.....
gostei muito das fotos e di título