AC/DCabernet Sauvignon




Vinícola australiana lança quatro vinho diferentes, cada um em homenagem a um membro do AC/DC.

(deu na Folha)
AC/DC me remete a porre de fogo paulista ou vodka barata ou goles de menta no gargalo.
Eu não aprecio um disco do AC/DC como se fosse um Egberto ou Monk ou uma garrafa de branco chileno.
Disco do AC/DC - sempre no talo - não me faz pensar em vinho, mas em esguicho de Budweiser na cara.
II
Ontem comprei uma Coca Cola de garrafa de vidro verde.
Achei numa parada de descanso e alimentação da highway Tomei, que liga Tokyo a Nagoya.
Nesse mundo de pet ou latas de alumínio, essa garrafinha vale seu peso em ouro.
Não sou mais um contumaz devorador de refrigerantes, mas essa deve ser apreciada.
Pastel de queijo pra acompanhar parece ser uma forte tendência nesse verão.
For those about to rock, we salute you.

Um comentário:

Rita disse...

Passando pra mandar um beijinho e provar do seu cabernet.
Besos!