A primeira Canon a gente nunca esquece

Passei na loja e vi a Canon PowerShot SX150 is, que é o modelo mais recente dessa linha, cheia de recursos, porém simples de manusear, patati patatá.
Cara para os meus padrões, era muito cara.
Mas tinha essa, uma excelente câmera para amadores como eu.
Como aqui no Japão quando os novos modelos já despontam nas prateleiras, os antigos abaixam os preços em quase 50%, peguei essa, a Canon PowerShot SX 130 is.
Na verdade, para o que eu gosto de fazer - apenas apertar o botão - ela está muito acima das minhas aptidões.
Felizmente, achei um manual em português num desses fóruns e posso começar a treinar os recursos e ver se realmente aprendo a fotografar como gente grande e então me sentir no direito de comprar uma daquelas que valem um carro.
Por enquanto, clico as coisas que acho que dariam uma boa capa de disco.
O que não me impede de fazê-lo depois, com mais nhém nhém nhém.

3 comentários:

Bem disse...

As vezes nem muda muita coisa de uma modelo pro outro.

Nei kS disse...

é verdade.

Dani (ela) disse...

se vierem fotos que nem tá no topo do blog, mas-sa!
;)