Um Conto Chinês (Argentina -2011)

I

O filme começa com uma vaca desabando do céu sobre um pequeno barco chinês.

E isso é real, mas no Japão.

Na verdade, em águas territorias russas.

Um pesqueiro japones havia invadido as tais águas para pesca ilegal quando uma vaca vinda do céu afundou o barco.

Isso aconteceu em 1997.

Os japoneses foram presos na Rússia pela invasão e por supostamente estarem mentido para as autoridades russas, mas era verdade.

Após averiguações, descobriram que alguns soldados russos estavam roubando vacas e as transportando em aviões militares até que num desses vôos as vacas ficaram agitadas e para que não houvesse um acidente maior com a aeronave, resolveram jogar as duas vacas no vazio, uma delas acertou o pesqueiro japones.

A história chegou a ser publicada no diário Komsomolskaja Prawda.



II

A partir do vôo da vaca faz-se um filme maravilhoso com o sempre talentoso, eficiente e carismático ator Ricardo Darín.


Uma pequena obra prima nos seus detalhes e conclusões.

Uma bela história de amor e amizade. Massa.

E definitivamente, o cinema argentino é melhor que o cinema brasileiro.

Nenhum comentário: