QUEM TEM UM QUINTAL, TEM DOIS



Chuva e sol
Sol de arrancar a pele só de olhar
Casamento do espanhol,
E tem um espanhol que mora longe,
E deixa saudades.

Sol e chuva
Chuva com gotas do tamanho de rolhas
Se jogando no infinito
Até caírem ruidosas no telhado, no chão,
E batucarem no casamento da viúva.

De sol a sol sem ver a sombra
Que evapora com os sonhos,
Sem sombra, sem sonhos,
Que homem sou eu que me contento
Com a chuva tropical na cachola fresca?

Chuva de longe lá longe bem longe
Das nuvens coloridas de Tupãs bem loucos,
Do céu de todas nuances milimétricas
Por que tem que ser assim,
E venha!


Nenhum comentário: