É outro

Queria se jogar da ponte. Qualquer ponte. Mas onde ia ter ponte nessa hora da madrugada no meio do Atacama?
Lázaro viveu até os 98 e foi jogando bilhar.

3 comentários:

Leela disse...

Rá!

Ludmila Ciuffi disse...

Topei contigo, fotos e escritos.
Parou?
Onde mais?

Ludmila Ciuffi disse...

Olá, K S, meu blog também abandonado agradece tua resposta. Gostei do que vi por aqui, forte e direto. Livro em papel vem por aí? Oba! O meu estou fazendo em tecido...